Ambilog

24.3.06

20% dos portugueses não têm saneamento básico


O Plano Estratégico de Abastecimento de Água e Saneamento de Águas Residuais, o chamado PEAASAR, pretendia entre outras coisas que o tratamento de esgotos fosse uma realidade para cerca de 90 por cento dos portugueses.
O plano apontava ainda os 95 por cento como a meta atingir em termos de abastecimento de água à população. Mas em tempo de balanço o plano fica aquém do previsto.
Especialmente no que diz respeito ao tratamento de esgotos. Para 20 por cento dos portugueses esta continua a ser uma realidade completamente estranha. São dois milhões pessoas que vivem essencialmente na região norte e no centro do país.
Este plano vai ser agora substituído por um outro que tentará aproveitar o próximo programa de fundos comunitários, entre 2007 e 2013.
O ministro do Ambiente irá apresentá-lo , altura em que dará a conhecer também a criação do fundo de equilíbrio tarifário. um projecto que visa atenuar a desigualdade de preços no sector de abastecimento de águas e esgotos nos grandes centros urbanos e nas zonas menos populosas.